COSMONAUT FUZZ: review & streaming!

cosmofuzz

(review por Pedro Costa)

(obrigado a Adriano Alves da Cosmonaut Fuzz pelo envio do material e PR!)


 

COSMONAUT FUZZCosmonaut Fuzz (2017)

Tracklisting:

1.Voyager and Jupiter
2.Mars, The Future and The Past
3.Rings Of Saturn
4.Black Holes Collide
5.Cosmos Is God

 

 


 

Salve salve, estamos aqui mais uma vez para falar de um trampo que eu recomendo para todos, não importando a tribo a que você pertença. Cosmonaut Fuzz, projeto instrumental do Adriano Alves (guitarrista da banda Netuno Doom), banda que quem conhece sabe que é otima, com raizes fincadas nesse arrastamento sonoro que tanto apreciamos.

Bom, vamos ao que interessa. Escutei o trabalho do cara e gostei, gostei pra caramba. Já começou bem por ser um trampo instrumental, que é algo que eu realmente sou vidrado, porque te dá a sensação de viagem, como se sua mente vagasse por ai criando uma história para o que você está ouvindo. E é isso que o Adriano conseguiu isso com o Cosmonaut.

São 5 faixas certeiras, calçadas no Doom e ambientadas no Sludge. Eu não sei quais foram as influencias que ele usou,mas os riffs posssuem aquelas características encontradas nos discos do Belzebong e do Beneath The Storm. Outro ponto forte do trabalho que me chamou bastante a atenção foram os solos, aos meus ouvidos, bem “pinkflodianos”, aquela velha escola de solos que fazem bem o seu papel, começam na hora certa e o mais importante, terminam na hora certa. Acredito que um bom músiconão pode ter um ego tão grande ao ponto de tornar a música cansativa ao ouvinte.

Eu dou nota 8 ao Cosmonaut Fuzz, por ser um bom disco que bate de frente com muita coisa lançada por bandas já consagradas nesse meio. Realmente espero ouvir outras coisas desse projeto em um futuro não muito distante.


 

PR de Adriano Alves (Cosmonaut Fuzz/Netuno Doom)

Cosmonaut Fuzz é um projeto instrumental do músico Adriano Alves, atualmente guitarrista e vocalista da banda Netuno Doom, as influências neste trabalho de uma só pessoa vão do Stoner/Doom ao Psych Blues onde 5 faixas que levam a um estado de profunda imersão em uma sonoridade extremamente densa podem levar a viágens ao cosmos ou qualquer outro lugar que possa imaginar.

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.