A continuidade do Doom Metal clássico, um mergulho no sub-mundo – Ato IV, 10’s – Parte IV

2012 - EUA. Mais uma empreitada do tio Griffin (uma das mentes por trás da obra dos Pentagram), abraçando a guitarra e as vozes, sua sonoridade é a escola clássica da música pesada estadunidense em ação. 2012 - Itália. A grossura nos riffs retorna com este trio carrancudo, sabbathismo e fortes influências da escola sebosa …

Continue lendo A continuidade do Doom Metal clássico, um mergulho no sub-mundo – Ato IV, 10’s – Parte IV

A psicodelia no Doom Metal – Parte III

2012 - Portugal. Indicado para quem é chegado no lado mais rústico da coisa, uma banda que ainda não debutou, lançaram uma coleta reunindo o pouco material que possuem, nele é possível notar uma lapidagem no decorrer do som. Meteram o loko com um cover dos Darkthrone. 2012 - Inglaterra. Junção duma galera fortemente ativa …

Continue lendo A psicodelia no Doom Metal – Parte III

A continuidade do Doom Metal clássico, um mergulho no sub-mundo – Ato IV, 10’s – Parte III

2011 - EUA. Lembro muito bem quando ouvi o disco de estreia desta banda, fruto de 5 cobras criadas no rolê metálico infra-mundo estadunidense, no disco em questão, imperou o mais puro creme da música rústica, é dolorido, é cortante e consegue chutar cus ao mesmo tempo, se tratando dessa última frase (que carrega o …

Continue lendo A continuidade do Doom Metal clássico, um mergulho no sub-mundo – Ato IV, 10’s – Parte III

Heavy/Doom Metal, a arte de chutar cus! Parte III

2009 - EUA. Castle é uma banda com um certo alcance sobre o sub-mundo, se apresentaram em vários lugares, fortemente ativos, contam com 4 discos lançados, a fórmula segue inalterada, chutação de cu impetuosa, a sonoridade era um tanto rústica de início, o tempo foi polindo o som, nada que não seja comum na caminhada …

Continue lendo Heavy/Doom Metal, a arte de chutar cus! Parte III

A continuidade do Doom Metal clássico, um mergulho no sub-mundo – Ato IV, 10’s – Parte II

2010 - EUA. Um duo que resolveu mergulhar de cabeça nas obras do tio Lovecraft e traduzir isso em música, escolheram a lerdice, uma cara mais vintage, o disco de estreia mostra o quanto os mano eram cabaço, porém, vinham adaptando a sua receita. Os 3 discos seguintes mostram uma melhor lapidação da proposta. 2010 …

Continue lendo A continuidade do Doom Metal clássico, um mergulho no sub-mundo – Ato IV, 10’s – Parte II

REVIEW: Cave Suns – “Canned Howl”EP (2017)

  (thanks to Kit Endean from Cave Suns for the stuff!) (review por Matheus Jacques)     CAVE SUNS – “Canned Howl” Tracklisting: 1-Canning a Howl 2-Black North Sea Cost Às vezes nos chega ao conhecimento algo de forma totalmente inesperada e que potencialmente se torna nosso “bicho de estimação”. Nosso livro de cabeceira, nosso …

Continue lendo REVIEW: Cave Suns – “Canned Howl”EP (2017)

REVIEW: Sun Q – “Charms” (2017)

      (thanks to Anton from OsamPromoBrigade for the stuff!) (review por Matheus Jacques)   SUN Q – “Charms” Tracklisting: 1.Petals and Thorns 2.After This 3.Dancing Souls 4.Secret Ways 5.Space 6.Jimmy the Pirate 7.Circus is coming 8.Plankton 9.Winter Lady Sun Q é um quarteto russo que talvez não muitos ainda tenham ouvido falar a …

Continue lendo REVIEW: Sun Q – “Charms” (2017)